Bolt sente lesão em última prova da carreira e se despede das pistas sem medalha


Getty

Usain Bolt sente lesão na final do 4x100m

Usain Bolt sente lesão na final do 4x100m

A carreira de Usain Bolt chegou ao fim neste sábado. A final do revezamento 4x100m masculino do Mundial de atletismo, em Londres, foi a última dele. E a despedida foi marcada por uma lesão nos metros finais da prova.

Bolt foi o responsável por fechar a prova para a equipe jamaicana, depois de Tyquendo Tracey, Julian Forte e Michael Campbell. No momento em que recebeu o bastão, estava em terceiro. Poucos passos depois, porém, ele sentiu uma lesão na perna esquerda, não conseguiu mais continuar e caiu na pista.

O ouro da prova ficou com a Grã-Bretanha, com tempo de 37s47. Os Estados Unidos terminaram em segundo, com 37s52. E o bronze ficou com o Japão, com 38s04. 

O resultado acabou com a dominância da Jamaica, que buscava o quinto ouro consecutivo do revezamento 4x100m masculino em Mundiais. Antes disso, a última derrota tinha sido no Mundial de Osaka, em 2007, quando os jamaicanos ficaram com a prata e viram os Estados Unidos levarem a melhor.

Curiosamente, Bolt fez parte daquela prova em 2007. Foi a segunda participação dele em Mundiais — e a primeira que o rendeu medalhas. Em 2005, ele já tinha disputado a final dos 200m, mas acabou em oitavo lugar.

Na outra prova que disputou neste Mundial de Londres, Bolt ficou com o bronze nos 100m. Quem venceu foi o norte-americano Justin Gatlin. A prata ficou com Christian Coleman, também dos EUA.



Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *